atelier,

Fornecedor: Vestidus

11:44 Branco Menta 2 Comments

Na primeira publicação sobre fornecedores, venho falar da Vestidus, o atelier onde comprei o meu vestido de noiva.
Vi feedback muito positivo sobre a Vestidus nos fóruns de casamento, bem como através do testemunho de algumas pessoas que conheço que compraram lá o seu vestido de noiva.
Fiz questão de marcar visita a este atelier, primeiro do que a qualquer outro, na esperança de não ter que passar daquele dia para comprar o meu vestido de noiva (não, não queria que a minha escolha parecesse um daqueles programas do TLC em que as raparigas experimentam 500 mil vestidos e não gostam de nenhum).



(Fotografias: Facebook Vestidus)


Marquei uma visita à loja para Agosto de 2014 (ou seja, um ano antes do meu casamento), quando ainda estavam nas antigas instalações, em Benfica. Assim que lá cheguei, disse que queria um certo vestido que tinha visto no Facebook. A minha mãe e madrinhas insistiram para que eu experimentasse outros, porque poderia gostar mais de me ver com outro género de vestido. Mas acabei por levar aquele que tinha visto no facebook. Se houve coisa que eu fui, enquanto noiva, foi muito decidida. Eu sabia que vestido queria, que sapatos queria, que penteado queria e que maquilhagem queria.
O meu único receio em relação àquele corte era que me ficasse mal, por eu ser cheinha. Mas assim que o vesti, fiquei fascinada. Ao contrario do que eu pensava, o corte até me fazia mais magra. Adorei!

Nesta primeira visita, as minhas dúvidas foram:
- Preciso levar algum acessório em especial?
- Preciso levar alguma lingerie em especial?
- Preciso já ter os sapatos para o casamento?

Nada! Não é preciso levar nada. E como maior parte dos vestidos já têm corpete integrado, também não é preciso preocuparem-se com a lingerie. Quanto aos sapatos, é normal que ainda não os tenham, portanto, não se preocupem com isso. De qualquer das formas elas têm também sapatos para experimentar, bem como os véus.
Quanto ao véu, eu era um pouco séptica em levar véu, mas acreditem que assim que o coloquei, senti-me uma verdadeira noiva. Faz toda a diferença (mais não seja para usar apenas na cerimónia - que foi o que eu fiz).

Ok! Vestido escolhido, e agora? Preciso pagar alguma coisa?
Sim. Foi preciso dar um sinal de 50% do valor do vestido. O que é compreensível.

A nível de atendimento, não tenho nada contra. Não ganhei grande empatia com a senhora, mas sempre que lá fui, foi bastante prestável.

Um contra: uma amiga minha estava nessa altura a fazer umas filmagens para um vídeo que nos iria oferecer no casamento e perguntou-me se podia estar presente no dia em que eu ia escolher o meu vestido. Eu fiz essa questão ao atelier, e eles recusaram. Não se pode filmar lá dentro. E fotografias só podem fazer ao vosso vestido, depois de o comprar.

Em Fevereiro voltei a fazer mais uma visita à Vestidus, ou seja, 5 meses depois da primeira ida. Neste dia fui apenas ver o meu vestido (o meu, e não o de exposição). E falámos sobre alguns pormenores, como os sapatos, a facha que iria levar à cintura, que género de saiote deveria levar, etc.
Quanto às alterações feitas ao vestido, se forem como eu, que engordo com muita facilidade, o melhor é pedir espartilho. Dá um jeitão para situações em que a noiva engorda ou emagrece. Só não dá é jeitinho às madrinhas e mãe para atar aquilo tudo no dia do casamento lol

Bom... Em Junho voltei a fazer nova visita à loja, ou seja, 4 meses depois (dois meses antes do casamento). Nesta visita já mediram a bainha do vestido, e marcaram todas as alterações necessárias para que o vestido ficasse à minha medida.

No dia 8 de Agosto, 21 dias antes do casamento, fui novamente à Vestidus fazer a última prova. Neste dia já levei o meu véu (pedi emprestado), o saiote (pedi emprestado), os sapatos, os acessórios todos possíveis e imaginários. É sempre bom terem uma noção de como a bijuteria fica com o vestido. Eu levei dois colares para escolher qual deles ficaria melhor, bem como a bandolete que iria usar no meu dia do casamento.

4 dias antes do casamento, fui buscar o vestido. E o noivo foi comigo :D Mas calma! O vestido vinha dentro de um saco, súper discreto.

Basicamente, só tenho coisas boas a falar deste fornecedor. No entanto, no dia do casamento, quando tirei o vestido do saco (não abri o saco desde o dia em que o fui buscar), reparei que o tule estava um pouco mal cortado e que tinha um buraco. Não sei se isto é normal nos vestidos com tule. Não entrei em pânico! Mas também não fiquei totalmente feliz. Aconselho, nestas situações, a chegar a casa e abrir o saco para ver o vestido. Neste aspecto falhei, porque não queria que o noivo visse o vestido. Poderia ter corrido muito mal, caso o estrago fosse maior.




Mas enfim, foram pormenores que mal se viram, e não deixei de brilhar por causa disso :P

Informações:
Site Vestidus | Facebook Vestidus
Av. João XXI, 78D
1000-304 Lisboa
vestidus@vestidus.com
96 418 63 67


You Might Also Like

2 comentários:

  1. Estavas lindaaaa! :-)
    O vestido ficava-te muito bem. Mas se não fosse a maquilhadora tinha sido mesmo difícil atar o espartilho!
    Quanto ao véu concordo, mas é preciso ter cuidado no cabeleireiro. Eles fizeram-me um penteado para usar o véu e quando tirei o véu o penteado já não era nada giro....
    Não sabia que tinha acontecido isso ao vestido! Espero que tenhas feito reclamação. Pode ser um pormenor mas eles tinham que ter garantido que estava tudo impecável!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigadaaaaaaa :D
      Sim, mas eu quando fui ao cabeleireiro, levei o véu, para ver como ficava com e sem.
      Não fiz reclamação. Aliás... ainda não fiz reclamação de nada (nem disto nem do dj). O dia correu tão bem, que deixei essas coisas para depois. E foi arrastando... lol

      Eliminar